GENRO BATE NA SOGRA E MULHER NO MARIDO E POLÍCIA MILITAR É ACIONADA

 


 A equipe policial foi chamada via rádio para prestar apoio a uma equipe ROTAM que foi abordada por populares que informavam estar ocorrendo uma situação de violência doméstica em um apartamento localizado na esquina. Em contato com a vítima, a mesma relatou que seu companheiro, teria saído casa no horário de almoço e voltado para o apartamento onde ambos moram apresentando sintomas de embriaguez. 

Sequencialmente, disse a vítima que ambos teriam discutido, e que ela após dar um soco contra uma porta de vidro, teria se cortado e solicitado socorro a sua ex-sogra, que foi até o local de ocorrência e tentando acalmar o casal, veio ser empurrada por seu companheiro, o qual veio a se defender desferindo um tapa contra o rosto de seu companheiro. Nesse momento, a vítima, que estava com a filha do casal no colo, com 22 dias de vida, tentou puxar seu companheiro pela camiseta, para fazer cessar a agressão que ele desferia contra sua ex-sogra, momento no qual o seu companheiro desferiu um soco contra o rosto a vítima, do qual resultou uma lesão corporal visível a olho nu. 

Diante dos fatos, foi dada voz de prisão ao seu companheiro pela lesão corporal praticada no âmbito da Lei Maria da Penha. Foi acionado o plantão do conselho tutelar, que se fez presente na 20° SDP para a tomada dos procedimentos cabíveis atinentes tanto o interesse da recém-nascida, quanto a outro filho do autor dos fatos, de quatro anos de idade, que presenciou toda violência acima citada. O filho do autor dos fatos, de quatro anos, foi entregue aos cuidados da mãe, que se fez presente na delegacia de Polícia Civil ao término do registro dessa ocorrência policial.

ENTRE EM NOSSOS GRUPO DO WHATSAPP E ACOMPANHE EM PRIMEIRA MÃO


Publicidade: