Helicóptero que caiu na fronteira estava carregado com cocaína




O helicóptero que caiu e matou duas pessoas carbonizadas, na manhã desta quarta-feira (20), estava "recheado" de cocaína, a princípio, de acordo com a secretaria de segurança de Ponta Porã, cidade sul-mato-grossense que fica na região de fronteira Brasil/Paraguai. 

Continue a leitura depois do anuncio.

A Empresa Brasileira de Infraestrutura Aeroportuária (Infraero) disse que a navegação aérea não tem informações sobre o helicóptero, o que significa que a aeronave estava em voo clandestino.

Segundo o Departamento de Repressão ao Crime Organizado (Dracco), o helicóptero caiu na área de uma propriedade rural do município. Uma equipe de Campo Grande foi para o local.

Conforme a Secretaria de Segurança Pública de Ponta Porã, a queda da aeronave foi a pelo menos 30 quilômetros da cidade. A suspeita é que o helicóptero estava carregado de droga.

A Perícia foi acionada. Equipes do Batalhão de Choque da Polícia Militar do MS também estão no local para garantir o trabalho de investigação dos especialistas.

Fonte: G1



Envie sugestões de Pautas ou Fotos, e acompanhe as notícias em primeira mão.
Entre no nosso grupo do WhatsApp: Clicando Aqui