Moradora de Toledo passa por dificuldades financeiras após cirurgia, cai em golpe no WhatsApp e precisa de ajuda





Uma moradora de Toledo vem passando por transtornos e dificuldades nos últimos dias. 
Residente na Vila Boa Esperança, Néia passou por uma cirurgia de risco a 15 dias no Hospital Bom Jesus. 

Eu, responsável pelo site Aconteceu Em Toledo, conheço a família e posso afirmar o que você vai ler agora. 

Néia vinha sofrendo de uma doença grave no útero a aproximadamente 8 anos. 
Essa doença não permitia que ela pudesse trabalhar normalmente pois seu corpo inchava com esforços físicos. 

Por não poder trabalhar, Néia acabou entrando em uma depressão. Precisou fazer tratamento por um longo tempo e, durante o tratamento chegou a tentar suicídio. 

Felizmente a tão sonhada cirurgia saiu. 
Néia fez a cirurgia à aproximadamente 15 dias e agora se recupera. 

O grande problema é que por ela não conseguir trabalhar, as contas foram se acumulando e seu esposo não está conseguindo organizar a vida financeira com seu pouco salário que recebe. 

Durante o auge da pandemia, existiu um decreto criado pelo governador do estado (Ratinho Junior) onde a Copel ficava proibida de efetuar corte de energia elétrica durante a pandemia. 

O decreto se encerrou e o corte elétrico se concretizou no início dessa semana. 

A Sanepar também já deixou o aviso de corte para os próximos dias.

Além desses problemas, Néia ainda precisa tomar medicamentos pra tratamento pós-cirurgia e precisa de uma alimentação saudável. 

Seus marido conseguiu com muito custo um empréstimo no valor de 1.000 reais que seria destinado ao pagamento da energia elétrica e água porém no dia de hoje (15), mais um grande golpe veio atingir a família..

Golpistas se passaram por gerentes bancários e, se aproveitando do momento difícil da família, ofereceram um empréstimo de grande valor. 

O resultado foi o já imaginado. 
A família caiu na conversa dos golpistas que pediram justamente os 1.000 reais como contratação de um empréstimo pessoal. 

Por isso fomos procurados e compartilhamos com vocês essa triste história. 

A família precisa de ajuda pra resolver essas questões o mais rápido possível e conta com a nossa solidariedade. 

Temos um telefone que aguarda seu contato.
O valor que a família precisa é bem maior, porém o mais importante agora são os medicamentos, a água e a energia que juntos somam 1.700 reais. 
Qualquer valor será bem aceito pra que juntos possamos amenizar a situação da família. 

Faça contato pelo telefone 45 9 84015395, nossa equipe esta 24 horas a disposição. 

Continue a leitura depois do anuncio.

Fonte: AconteceuEmToledo 



Envie sugestões de Pautas ou Fotos, e acompanhe as notícias em primeira mão.
Entre no nosso grupo do WhatsApp: Clicando Aqui