Preso suspeito de matar adolescente grávida e retirar bebê da barriga para não assumir paternidade



O suspeito de matar a adolescente Sara Caroliny, de 15 anos, foi um dos presos durante a Operação Dandara dos Palmares, deflagrada pela Polícia Civil na quarta-feira (24). 

Continue a leitura depois do anuncio.

Ao g1, a delegada Nayana Paz afirmou que o homem cometeu o crime por não querer assumir a paternidade do filho que ela esperava e que, depois de matar a vítima, retirou o bebê do corpo.

O corpo da adolescente, que estava grávida de 7 meses, foi encontrado em estado avançado de decomposição, no dia 13 de novembro de 2020, próximo ao Rodoanel de Teresina, região do bairro Usina Santana, Zona Sudeste de Teresina.

Fonte: G1



Envie sugestões de Pautas ou Fotos, e acompanhe as notícias em primeira mão.
Entre no nosso grupo do WhatsApp: Clicando Aqui